Curso PROJETO DE SINALIZAÇÃO DE TRÂNSITO: Mód.I: Conceitos Básicos e Mód.II: Interseções, Estacionamento, Circulação de Veículos, Bicicletas e Pedestres

 
Recebendo inscrições para a próxima data - Horário:



Mód. I: De 25 a 28/4 - Das 09 as 12 horas
4 dias com 3h por dia (12 h com o professor e 2 horas de estudo do aluno)

Mód. II: De 2 a 5/5 - Das 09 as 12 horas
4 dias com 3h por dia (12 h com o professor e 2 horas de estudo do aluno)

 
Objetivo

Proporcionar aos profissionais de trânsito uma visão abrangente das questões associadas à circulação e estacionamento de veículos, à circulação de pedestres e à sinalização, conforme as resoluções 160, 180, 236, 243, 302, 303, 304, 483, 486, 600, 690, 738, 873 e 874.
Fornecer informações aos profissionais de órgãos executivos municipais de trânsito no sentido de possibilitar o desenvolvimento de projetos de sinalização, focando o tratamento de interseções e a circulação de veículos, pedestres e ciclistas.

 
Aplicação

Elaboração de projetos sobre:

Melhoria da fluidez do trânsito geral bem como de ônibus e bicicletas; planos de circulação; melhorias para a circulação segura e confortável de pedestres; aspectos de segurança como controle de velocidade, especialmente a definição da velocidade e a sinalização de regulamentação em função da localização dos radares, as infrações e as penalidades; medidas de moderação do tráfego ("traffic calming") em vias residenciais; regulamentação de estacionamento e parada, operação de carga e descarga, estacionamentos especiais - Deficientes Físicos, Rotativo, Táxis, Veículos de Frete, Área de Segurança, entre outros, suas infrações e penalidades e visão geral da sinalização de orientação do trânsito.

 
Público Alvo

Engenheiros, arquitetos e técnicos da área de trânsito.

 
Programa

>>MÓDULO I: CONCEITOS BÁSICOS - De 25 a 28/4
4 dias com 3h por dia (12 h com o professor e 2 horas de estudo do aluno)


Este módulo apresenta os conceitos básicos da sinalização sob dois aspectos: o operacional - seu uso nos projetos, e o executivo – diagramação, materiais, produção e execução. Apresenta também conceitos básicos de engenharia de tráfego e os componentes típicos dos projetos.

1. ASPECTOS INSTITUCIONAIS:
O Código de Trânsito Brasileiro: Aspectos gerais; uso do solo e trânsito – geração de viagens, mobilidade; Qualidade no trânsito: cliente-cidadão; Deveres e responsabilidades do órgão municipal de trânsito; O Sistema Nacional de Trânsito; Engenharia, Educação, Implantação da Sinalização, Operação e Fiscalização de Trânsito: a importância da integração.

2. SINALIZAÇÃO DE TRÂNSITO: :
O CTB e a sinalização: principais artigos e a Resolução 160; Conceitos básicos e características principais da sinalização; Classificação da sinalização: Sinalização vertical e as Resoluções 180, 243 e 486; Sinalização horizontal e a Resolução 236; Sinalização semafórica e a Resolução 483; Dispositivos auxiliares e sinalização temporária e as resoluções 690 e 873; Sinalização sonora; Sinalização por gestos.

Trânsito e transporte; Definição de via para o CTB; A classificação das vias e sua relação com o uso do solo; Trânsito e ambiente: a via e suas funções - circulação, convivência, comércio, arborização, etc.; Características dos fluxos veiculares; Polos geradores de tráfego.

4. PROJETOS:
Características de um projeto de engenharia de tráfego. Pontos críticos de segurança e fluidez: soluções de baixo custo e rápida implantação; Uso da sinalização: posicionamento; relacionamento com outros tipos de sinalização; áreas padrão; afastamento lateral; representação gráfica. Etapas de um projeto: pesquisas e levantamentos preliminares; elaboração; planilhas de quantidades; especificações de materiais e métodos de execução. Gestão de projetos: controle do andamento, bancos de dados; sistema georreferenciado.

Inscrição somente para o módulo I: Clique em inscrição Online e no campo nome escreva seu nome e ao lado -Mód.I



>>>>MÓDULO II : MOBILIDADE: SEGURANÇA E FLUIDEZ; INTERSEÇÕES; ESTACIONAMENTO E CIRCULAÇÃO - De 2 a 5/5
- 4 dias com 3h por dia (12 horas com o professor e 2h de estudo do aluno)


TRATAMENTO DE INTERSEÇÕES:
Este módulo aborda os projetos mais comuns no tratamento das interseções urbanas.

• Interseções simples: tratamento com sinalização vertical e horizontal.
• Canalização de tráfego no controle de fluxos: conceito e aplicações; uso da sinalização horizontal e auxiliar para reforçar a regulamentação da preferência de passagem, definir trajetórias para os veículos e controlar a velocidade.
• Refúgios para pedestres em travessias longas ou interseções complexas.
• Minirrotatórias: hierarquização dos movimentos e controle da velocidade.
• Semáforos: características, tipos e requisitos básicos para implantação.
• Pequenas alterações geométricas, gabaritos de giro.
• Mudanças na circulação.


ESTACIONAMENTO E CIRCULAÇÃO
Aborda o uso das vias por veículos, pedestres e ciclistas analisando os fatores associados à circulação e estacionamento.
1. VEÍCULOS
• MELHORIA NA FLUIDEZ:
Eliminação de descontinuidade física; controle do estacionamento; sincronismo de semáforos; binários; faixas exclusivas de ônibus; ciclovias e ciclofaixas; desvios de obras e sinalização.

• CONTROLE DA VELOCIDADE:
Regulamentação da velocidade: Percepção do condutor x percepção do pedestre; Ondulações transversais: Resoluções; Modelos; Sinalização. Dispositivos eletrônicos: modelos e aplicações: radares, lombadas eletrônicas; Aspectos legais.

• CONTROLE DE ESTACIONAMENTO E PARADA, PROIBIÇÃO E REGULAMENTAÇÃO:
Critérios para a definição da política de estacionamento; Sinalização R-6a, R-6b e R-6c; Estacionamento rotativo regulamentado pago: "Zona Azul", "Área Azul", "Faixa Azul", etc. Carga e descarga: Políticas de carga/descarga; Sinalização de regulamentação, advertência e orientação; Carga/descarga em áreas centrais e comerciais; Locais e horários para carga e descarga, com ou sem cobrança.

• SINALIZAÇÃO DE ORIENTAÇÃO DE TRÂNSITO:
Função, características e importância; Topônimos; Sinalização: posicionamento na via e características; Placas diagramadas. .

2. BICICLETAS
Ciclovias e ciclofaixas: características geométricas; critérios de projeto; sinalização; estacionamento. .

3. PEDESTRES
O CTB e os pedestres; calçada e passeio; características dos pedestres: velocidade, comportamento, posturas e espaços pessoais; limitações de locomoção: idosos, pessoas com deficiências físicas e visuais permanentes e temporárias; características dos fluxos de pedestres; políticas de priorização da circulação segura e confortável dos pedestres; calçadões; áreas amigáveis para o pedestre como indutoras da atividade comercial; tratamento de calçadas e travessias de pedestres; sinalização de advertência, de orientação e educativa. Moderação do tráfego (“traffic calming”). Áreas residenciais: tráfego de passagem x espaço comunitário;

Obs.: Ao longo do curso serão elaborados exercícios.

Para fazer o Mód.II é obrigatório fazer o Mód.I .
Inscrição para os Módulos I e II: Clique em Inscrição Online no rodapé

 
Corpo Docente

Vanderlei Cófani: Engenheiro civil, com curso de Pós-graduação em Transportes pela Escola Politécnica e em Planejamento Urbano pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, ambas da Universidade de São Paulo; Implantou e foi dirigente da área de trânsito na Prefeitura de Sorocaba/SP por 14 anos; Participou da Elaboração do Manual Brasileiro de Sinalização de Trânsito – Volume I – Sinalização Vertical de Regulamentação do CONTRAN como membro da Comissão de Trânsito da ANTP; Ministrou onze cursos pelo IMEP/PLANOTRAN para o Ministério das Cidades/DENATRAN sobre Definição e Controle de Velocidade em Vias Públicas, Gerenciamento do Setor de Sinalização e Projeto de Treinamento de Interseção em diversas capitais do Brasil; Ministrou aulas pelo IMEP/PLANOTRAN sobre o Módulo de Conceitos de Engenharia de Tráfego no Curso de Especialização em Planejamento, Gestão de Transportes e Meio Ambiente patrocinado pelo Banco Mundial para a Prefeitura de Curitiba, especificamente para o Instituto de Pesquisa e Planejamento – IPPUC, para a empresa Urbanização de Curitiba- URBS e para a Secretaria de Trânsito- SETRAN, com a interveniência da Associação Nacional de Transportes Públicos – ANTP, 2014-2015; Professor nos cursos de pós-graduação MBA de Trânsito, Mobilidade e Segurança no módulo de Engenharia de Trânsito, do IMEP e nos cursos específicos de Engenharia de Tráfego, Sinalização e Projeto; Participou da Elaboração dos Planos de Orientação de Tráfego de Sorocaba e São Roque; É consultor na área de mobilidade urbana, com ênfase em engenharia de tráfego e sinalização de trânsito, desenvolvendo projetos nessa área para vias urbanas e acessos rodoviários; É Vice Coordenador da Divisão de Trânsito do Instituto de Engenharia de São Paulo.

Maria da Penha Pereira Nobre: com especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional e em Trânsito: Mobilidade e Segurança; trabalhou 25 anos na Companhia de Engenharia de Tráfego - CET de São Paulo e no Departamento de Operação do Sistema Viário - DSV de São Paulo; participou da elaboração do Código de Trânsito Brasileiro; fez curso de especialização em transportes e trânsito na França; trabalhou na Venezuela e no México; foi consultora do Departamento Nacional de Trânsito – DENATRAN, do Programa Monumenta/BID/Unesco do Ministério da Cultura e da Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Presidência da República-SEDU; foi Presidente da Comissão de Trânsito da Associação Nacional de Transportes Públicos – ANTP e Conselheira do Conselho Estadual de Trânsito - CETRAN de São Paulo representando o Instituto de Engenharia e a sociedade civil; coordenou e ministrou cursos dentro do "Programa Nacional de Capacitação das Cidades" do DENATRAN/Ministério das Cidades em todo território nacional; é Coordenadora da Divisão de Trânsito do Instituto de Engenharia, Conselheira do Conselho Estadual para a Diminuição de Acidentes de Trânsito e Transportes – CEDATT do Estado de São Paulo, Diretora do Instituto Mobilidade e Educação PLANO – IMEP.

 
Valor Investimento

Inscrições: Incluído o material técnico:

Mód. I : Conceitos Básicos : R$ 337,00
Mód. II : Interseções; Mobilidade: R$ 337,00

Enviar ficha de inscrição até dia __

 
Forma de Pagamento

- Deposito bancário ou PIX antecipado
- Nota de empenho (p/ órgãos públicos)
- Cartao de credito parcelado

O acesso ao curso pela plataforma Zoom será liberado com as condições completadas

 
Local e Hospedagem

Curso totalmente online, junto com o professor

 
Certificação

O Certificado será entregue para os participantes que tiverem no mínimo 80% de participação.

 
Informações

Para se inscrever, clique abaixo em Inscrição On Line. Confirmaremos o recebimento da inscrição no email que informar.

(11) 3746-6010 - 3771-5459


 
 
Inscrição Online Indique para um amigo Imprima esta página Solicitar proposta in company